O câncer de próstata, tipo mais comum entre os homens, é a causa de morte de 28,6% da população masculina que desenvolve neoplasias malignas. No Brasil, um homem morre a cada 38 minutos devido ao câncer de próstata, segundo os dados mais recentes do Instituto Nacional do Câncer (Inca).

A próstata é uma glândula responsável pela produção de espermatozoides, sua aparência se assemelha com uma castanha e fica localizada abaixo da bexiga.

A única forma de garantir a cura do câncer de próstata é com o diagnóstico precoce.  Na fase inicial, o câncer não apresenta sintomas e quando alguns sinais começam a aparecer, cerca de 95% dos tumores já estão em fase avançada, dificultando a cura.

Desta forma, o exame preventivo é a melhor forma de controlar a doença, homens a partir dos 45 anos com fatores de risco, ou 50 anos sem estes fatores, devem ir ao urologista para conversar sobre o exame, que permite ao médico avaliar alterações da glândula, como endurecimento e presença de nódulos suspeitos.

O tratamento com a Cannabis medicinal vem se mostrando um aumento na percentagem de células apoptóticas, causando a morte celular, geneticamente programada. Estudos sugerem que os canabinoides são uma opção com grande potencial no tratamento do câncer de próstata, comparada as terapias comuns. Como já evidenciado, o 2 arachidonoylglycerol (2AG) age como inibidor endógeno no crescimento das células cancerígenas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close