tratamento para o cancer

Uma descoberta bastante animadora para quem está na batalha contra uma das doenças mais agressivas e difíceis de ser curada, o câncer.

A revista “Proceedings of The National Academy of Sciences” (PNAS), divulgou recentemente a descoberta de um possível composto que faz com que as células cancerígenas se autodestruam.

Essa notícia vem para renovar as esperanças de quem vem travando uma luta feroz contra essa que é uma das doenças que mais mata no mundo.

A grande descoberta foi feita por uma equipe de cientistas por cientistas do Instituto de Pesquisa Scripps (TSRI), na Flórida, que em suas pesquisas chegaram a um novo composto age diretamente sobre as células cancerígenas com mais precisão do que qualquer tratamento já inventado até hoje.

Além disso, outro ponto bastante positivo apresentado por esse composto durante os testes realizados até o momento, é que ele também ataca células doentes que permanecem ocultas, e não afeta às células saudáveis.

Segundo o professor Matthew Disney, que esteve a frente da pesquisa, o novo composto age ativando um mecanismo onde as células cancerígenas autodestroem de forma “programada”.

Por enquanto, esse possível remédio, foi testado em animais, e vem apresentando bons resultados.

A expectativa é que, em breve, esse medicamento seja testado em seres humanos e se os bons resultados se confirmarem, ele possa ser utilizado como um tratamento eficaz contra o câncer, somente atuando contra células cancerosas, sem causar danos aos pacientes como acontece em alguns outros tratamentos existentes atualmente.

Vale ressaltar que o tipo de câncer no qual o tratamento é mais efetivo é o câncer de peito, que representa entre 10% e 20% dos casos de câncer de mama, mas espera-se que ele seja estendido a outros tipos de tumores.

Fiquemos nas torcida que este novo “remédio” tenha ótimos resultados em todos os testes e que possa ser usado o quanto antes no tratamento de pacientes que sofrem com essa que é uma das doenças que mais matam no mundo.

Fonte: exame.abril.com.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close